Consultas Boa Vista SCPC

Botão para acessar Boa Vista SCPC

CUIDADO COM AS FRAUDES NO COMÉRCIO! COMO SE PREVINIR?

CUIDADO COM AS FRAUDES NO COMÉRCIO! COMO SE PREVINIR?

            A ocorrência de fraudes no comércio é, infelizmente, comum no Brasil. Criminosos tentam se aproveitar de brechas de segurança, especialmente em sistemas eletrônicos ou a possibilidade de falsificações de documentos, cheques, cartões de créditos, para que possam agir de forma maliciosa e conseguir vantagens em cima das lojas.

           Os impactos dessas ações podem ser significativos, podendo ir muito além dos danos financeiros. Podendo afetar também sua imagem.  Por isso, é fundamental que fiquem atentos em como minimizar as possibilidades de terem problemas, para que possam proteger seu negócio.

           Para quem trabalha com e-commerce, a situação pode ser mais complicada ainda. Sendo que as  pequenas e médias empresas (PMEs) são as mais vulneráveis. Isso porque as gigantes do mercado já têm capacidade de contratar equipes especializadas para avaliar riscos e minimizar as chances de algum problema dessa natureza.

            É importante que o lojista tenha consciência de quais são as principais fraudes cometidas no Brasil, até mesmo para identificá-las e tomar maiores cuidados para não ser vítima: As principais delas são:  Cheques falsificados; cartões de crédito e débito clonados; clonagem de placa de veículo; documentação falsa e a falsa identidade que ocorre quando o autor utiliza um documento falso com a identidade de um terceiro.  Ainda existem diversos tipos de fraudes cometidas por pessoas mal-intencionadas, algumas delas são: fraude limpa, autofraude, fraude amigável, boletos falsos e roubo de dados em sites falsos.

             O número de vítimas de Fraude segundo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), ultrapassam os 8 milhões de brasileiros. Diante desse cenário, para proteção do próprio consumidor os Serviços de Proteção de Crédito oferecem ferramentas que auxiliam na detecção de fraude, como o Avisa.  Ao aderir a ele, a pessoa é notificada por e-mail sempre que o nome for incluído, excluído ou sofrer quaisquer tipos de alterações cadastrais no banco de dados da entidade.

             Sendo recomendado que nos casos de dúvidas o comerciante utilize os serviços de confirmação Cadastral dos Serviços de Proteção de Crédito. Que é uma consulta que apresenta a situação cadastral do documento consultado, seja um CPF ou CNPJ. Com essas informações é possível identificar o tipo chamado de fraude de identidade por meio da comparação de dados.

             A empresa pode identificar a falsa identidade por meio da comparação entre os dados informados para efetuar a compra e as informações presentes no seu relatório da consulta de Confirmação Cadastral. A recomendação é dar atenção a todos os dados divergentes, que podem indicar uma possível tentativa de golpe.

             Quando detectada a fraude nos documentos uma recomendação inicial pode ser acionar os órgãos responsáveis e legais para verificar o procedimento adequado e cancelar qualquer tipo de negociação em andamento para evitar ou reduzir prejuízos da empresa.

             Para que seu negócio não sofra com os prejuízos e danos causados pelas fraudes, é fundamental realizar as medidas necessárias para prevenir a ocorrência desse tipo de problema. Para isso, sua empresa deve investir em algumas medidas essenciais, tais como Sistemas automatizados para a verificação e controle das informações oferecidas pelos clientes, a fim de atestar sua veracidade.

             Aliado com a automatização, a terceirização de riscos permite que especialistas na área de segurança de dados verifiquem se as informações oferecidas pelos usuários são, de fato, autênticas ou se há indicativo de fraude.

             A Associação comercial também pode te orientar com algumas soluções geradas para diminuir os índices de fraude e minimizar os riscos de problemas a longo prazo.